Publicado em

Atualização Sistema Administrativo Digisat G6 – Release: 1.0.19219.1

Muitas novidades. Conheça todos os detalhes desta atualização aqui.

Faça um contrato de manutenção conosco e esta tarefa de manter o seu Sistema G6 sempre atualizado, também fica sob nossa responsabilidade.

O nosso trabalho de manutenção do sistema tem o propósito de ser proativo; cuidamos antecipadamente desta e de muitas outras situações de risco para evitar que a sua empresa pare.

A nova release versão 1.0.19219.1 foi liberada em 07/08/2019 14:25:41

ATENÇÃO: Usuários contribuintes do estado de Santa Catarina, que necessitam gerar os arquivos referente ao Bloco X, deverão atualizar o sistema com a versão 1.0.18158.8 ou superior e fazer o download do arquivo presente neste link e extraí-lo para dentro da pasta “Servidor”.

Veja a lista das novidades e correções:

Implementado integração do sistema para emissão de NF-e de Produtor Rural.
Desenvolvido aplicativo “PDV Mobile” para dispositivos “Android” (versão 4.1 ou superior), com emissão de NFC-e e SAT-Fiscal.
Desenvolvido aplicativo “PDV Mobile” para o dispositivo “GPOS 700” da Gertec, com emissão de NFC-e e SAT-Fiscal.
Desenvolvido aplicativo “PDV Mobile” para o dispositivo “Lio” da Cielo, com emissão de NFC-e e SAT-Fiscal.
Implementado integração do aplicativo “Restaurante Mobile” para o dispositivo “GPOS 700” Gertec, com emissão de NFC-e e SAT-Fiscal.
Implementado integração do aplicativo “Posto Mobile” para o dispositivo “GPOS 700” da Gertec, com emissão de NFC-e e SAT-Fiscal.
Implementado comunicação entre sistema e servidor por IP público, DDNS ou Hostname (nome do servidor).
Implementado impressos para impressoras 56,57 e 58 milímetros.
Implementado consulta de serviço de crédito da pessoa no Serasa, através do serviço da Connect SA.
Adicionado CFOP 6360 – Prestação de serviço de transporte a contribuinte substituto em relação ao serviço de transporte.
Atualizado tabela de NCM’s do IBPT para a versão 19.2.A.
Implementado informações da “Grade” no impresso do pedido de compra quando o produto é controlado por grade.
Implementado opção para verificar se o CNPJ do destinatário no XML é o mesmo do emitente, caso não for bloqueará a importação.
Implementado opção para atualizar NCM e CEST através da importação do XML para a nota de compra.
Implementado campo “Marca” no módulo Gestão Empresarial quando a busca for por “Produtos e serviços”.
Implementado permissão de acesso “Permitir alterar o limite de crédito da pessoa”.
Implementado visualização do preço das “Tabelas de preço” nos detalhes dos itens na lista de produtos e serviços.
Implementado informação “Não tributado” no relatório “Apuração Sintegra”.
Implementado NFS-e para o município de Itabirito-MG.
Implementado preenchimento do CNAE no cadastro do serviço para padrão ABRASF21.
Implementado possibilidade de processar mais que um arquivo de retorno de boletos simultaneamente.
Implementado campo “Dias antes do vencimento para conceder desconto” e “Percentual de desconto” no cadastro da conta bancária.
Implementado opção para atualizar preços pelo aplicativo Coletor de Dados.
Implementado ordenação da lista de cheques por data de pré-datado.
Implementado opção para impressão reduzida dos itens na NF-e.
Implementado pesquisa por numero do documento fiscal no módulo “SNGPC”.
Implementado busca pelo código de barras da grade no cadastro de produtos e serviços.
Otimizado sincronização de produtos pelo aplicativo Força de Vendas.
Implementado informação “Status” no impresso 40 colunas do DAV-OS.
Implementado informação da grade no impresso da Pré-venda.
Implementado informação com dados de Grade, Lote e Serial no Gestão empresarial.
Implementado linha separadora de itens nos impressos de DAV, DAV-OS e Orçamento.
Implementado filtro “Marca” e opções agrupar por marca/subgrupo no relatório “Grade por produto”.
Implementado relatório “Vendas por cardápio”.
Implementado relatório “Itens lançados no delivery”.
Implementado relatório “Montagens e desmontagens por composição”.
Implementado histórico do cheque no relatório “Lista de cheques recebidos”.
Melhorias nos impressos de DAV, DAV-OS e Orçamento via PDV.
Melhorias na Impressão de DAV-OS com Objeto contendo Diagnostico.
Mais melhorias e correções…

Publicado em

NFC-e obrigatória no MT à partir de 01/08/2019

Em 31 de julho de 2019 termina o período de transição do uso do ECF no MT(Mato Grosso) para os contribuintes que tiveram autorização para uso do ECF no período entre 18/02/2015 e 31/07/2016, conforme publicação no site do SEFAZ-MT em 29/07/2016, e por isto à partir de 01 de agosto de 2019 o Cupom Fiscal, documento emitido pelo ECF, não será mais um documento válido, portanto, a sua emissão passa a ser passível de multa.

Temos o Sistema Administrativo que precisa para emitir a NFC-e e também todos os demais documentos fiscais para o seu Estado, além de poder controlar o estoque, o setor financeiro e os demais setores da sua empresa.

Entre em contato conosco pelo Chat Online, pelo WhatsApp, pelo Facebook ou pelo Instagram e compre conosco o aplicativo administrativo para sua empresa.

Publicado em

Nova versão do Manual de Orientação do CT-e e CT-e OS

Acaba de ser publicada a Versão 3.00a do Manual de Orientação do Contribuinte do CT-e e CT-e OS.

A previsão é que a nova versão entre em homologação no dia 22 de julho de 2019 e em produção a partir do dia 26 de agosto de 2019.

Dentre outras modificações, esta nova versão irá contemplar a atualização do schema do CT-e e a criação do Evento Comprovante de Entrega.

Lembrando que em 07 de outubro de 2019 também entrará em vigor a obrigatoriedade de exibição do QRCode no layout do DACTE.

Essas modificações constantes na legislação é que exigem que você tenha na sua empresa um Sistema Administrativo de qualidade e que seja produzido por uma empresa que se esforça para manter o seu produto sempre em condição de atender a sua empresa sempre de forma atualizada.

Porém, é difícil administrar uma empresa e ainda ter foco nesses detalhes, normalmente o empresário só se dá conta quando o Sistema Administrativo pára de emitir um documento fiscal.

Para evitar esses transtornos para o empresário, nós da SoftVix, além de oferecer um produto de qualidade que mantém em dia essas atualizações, oferece Contrato de Manutenção de suporte com um trabalho proativo, procurando manter o Sistema Administrativo sempre atualizado e sem atrapalhar o dia-a-dia da empresa.

Para maiores informações, entre em contato conosco.

Publicado em

Hospedagem Ilimitada não existe!

Depois de tantos concorrentes de hospedagem insistirem na oferta de hospedagem ilimitada por preços que confundem o consumidor, resolvi escrever este artigo para falar de maneira franca sobre isto.

Que fique claro de uma vez por todas: Hospedagem ilimitada não existe!

Tudo em nosso universo tem limites, diga-se de passagem, até o próprio universo tem limite.

O que existe são limites inalcançáveis ou além de nossas necessidades.

Portanto, o que pode existir são hospedagens com espaços super dimensionados, ou seja, planos de hospedagens criados para um determinado objetivo e dimensionados de forma que o seu limite nunca seja alcançado.

Raciocine, se houvesse hospedagem ilimitada haveria um só preço de serviço de hospedagem na tabela de serviços e não haveriam preços variados, normalmente nominados de forma simples como, por exemplo, Start, Professional e Enterprise?!

Fácil de entender: Um site institucional de uma pequena empresa que está começando não precisa mais do que 500 MB para ser instalado e ainda dá para poder usar 5 a 10 contas de e-mail, portanto, se uma empresa de hospedagem monta um plano de hospedagem para atender a pequenas empresas, com 1GB de espaço disponível, por exemplo, denomina este plano de Start, cria um Termo de uso que deixe claro que a finalidade do plano é para atender as necessidades de um site institucional de uma pequena empresa e diz que o plano é ilimitado, relativamente, ela não está mentindo, porque a pequena empresa não usará o recurso disponibilizado.

Mas nós entendemos isto como propaganda enganosa para com o consumidor e deslealdade comercial para com os concorrentes e para confirmar o quanto a hospedagem ilimitada deles tem limites, tome o cuidado de ler os “Termos de Uso” ao contratar e você verá que a hospedagem ilimitada que oferecem tem muitos limites.

Nós, desde quando começamos a oferecer serviços de hospedagem há mais de 15 anos, sempre procuramos oferecer planos de hospedagem com recursos reais, espaços reais, preços reais, não tem pegadinha, você tem o que você contrata.

Procuramos manter o nosso serviço de hospedagem em um alto padrão de qualidade no atendimento, num esforço contínuo para te oferecer Segurança, Disponibilidade e Confiabilidade e é por isto que temos muitos clientes que estão conosco há mais de uma década, pois descobrem essa qualidade de atendimento no uso de nossos serviços.

Esperamos que de agora em diante você não se deixe mais enganar com promessas de serviços que na verdade eles sabem que você nunca vai precisar e que tem o único propósito de te tornar mais um cliente deles.

Até que se eles oferecessem um atendimento que você precisa para resolver os problemas do dia-a-dia, tudo bem, mas não é isto que acontece, pois devido ao volume de clientes que conquistam, acabam não conseguindo te oferecer o padrão de atendimento que você precisa.

A tendência é que as empresas que estão começando precisem de mais atenção do que empresas maiores, pois empresas maiores acabam contratando bons profissionais de TI para resolverem os problemas que surgem, mas a pequena empresa não consegue fazer a mesma coisa e é aí que entra a necessidade de você ser mais que “mais um cliente”.

Contrate um plano de hospedagem honesto conosco e tenha a oportunidade de conhecer o nosso padrão de atendimento.

Publicado em

Boleto Bancário – FEBRABAN – Nova Sistemática – Falta de Sincronismo

Em 27 de outubro de 2018 a FEBRABAN concluiu as etapas de modernização da plataforma de boletos de pagamento e encerrou definitivamente o uso do Boleto Bancário Sem Registro.

O propósito disto era também trazer mais segurança ao processo e permitir que os boletos bancários de qualquer banco pudessem ser pagos em qualquer banco mesmo quando estivessem em atraso.

Essa modernidade trouxe de imediato dois principais transtornos:

  • A necessidade de registro de boletos, mesmo quando quem emite não sabe se o boleto será pago ou não;
  • E a elevação do custo operacional do cedente, pois paga para registrar o boleto, pela permanência do registro na base de dados da instituição bancária, pelo recebimento do boleto, pela baixa do boleto bancário e mais alguns casos.

E ultimamente tenho vivenciado outro problema: A falta de sincronismo simultâneo com o banco quando o boleto bancário é emitido, decepcionando o sacado, que pega o boleto com o cedente, vai ao banco ou no internet banking para fazer o pagamento e recebe a incômoda mensagem de que o boleto não foi encontrado na base de dados do banco, tendo que esperar, às vezes, horas para fazer o pagamento de um documento que ele tem em mãos.

A questão é que quando o cedente emite um boleto bancário ele não tem a obrigação de enviar imediatamente para o banco e o que normalmente ocorre é que no fim do dia ele junta todos os boletos emitidos gera um arquivo remessa único e envia para o banco, o banco recebe, processa e registra em seu banco de dados e só à partir desse momento é que o sacado está liberado para fazer o pagamento.

O problema é que quando o sacado pega o boleto nas mãos e quer efetuar o pagamento logo para ter um problema resolvido e possa partir para outra questão, não pode fazer isto, tem que deixar o assunto do pagamento do boleto pendente, mesmo sem querer, reduzindo a sua produtividade, porque tem que ficar antenado com um assunto que já poderia ter resolvido. Vejo muitos se aborrecerem com isto.

Quando era o sistema de boleto sem registro o sacado não tinha que esperar nada, porque o banco não tinha entraves para receber. Agora além do sacado precisar de tentar várias vezes para saber se o boleto está disponível para pagamento, o sistema do banco acaba ficando mais sobrecarregado pelas tentativas dos usuários.

Para os bancos tudo bem, porque recebem mais por isto, mas para os usuários não está tudo bem, pois pagam mais caro e tem um serviço de pior qualidade.

O que a FEBRABAN deveria ter considerado é que enquanto houvesse troca de arquivos não sincronizados entre os cedentes e as instituições financeiras, não poderia deixar de existir boletos sem registro.

A FEBRABAN, já que quis modernizar, precisa pensar em mudar o processo de troca não sincronizada de arquivos para uma API que forneça Web Services que permitam ao usuário cedente fazer um registro simultaneo do boleto bancário e desta forma agilizar principalmente o lado do sacado, que está sendo prejudicado com essa mudança, mas não só o sacado, porque é um entrave que trás consigo outras consequências para a economia do país.

Publicado em

Atualização Sistema Administrativo Digisat G6 – 13/12 Release: 1.0.18346.2

Conheça os detalhes desta nova atualização aqui.

Fechando um contrato de manutenção conosco, esta tarefa passará a ser mais uma tarefa que ficará sob nossa responsabilidade.

O nosso trabalho de manutenção do sistema tem o propósito de ser proativo; cuidamos antecipadamente de muitas outras situações de risco para evitar que a sua empresa pare.

Você também pode ficar em dia com as modificações feitas acessando o site do fabricante e baixando gratuitamente o sistema atualizado para instalação.

A nova release versão 1.0.18333.2 foi liberada em 13/12/2018 às 14:22:55.

ATENÇÃO: 

  • Usuários contribuintes do estado de Santa Catarina, que necessitam gerar os arquivos referente ao Bloco X, deverão atualizar o sistema com a versão 1.0.18158.8 ou superior e fazer o download do arquivo presente neste link e extraí-lo para dentro da pasta “Servidor”.
  • Usuários de NFC-e do estado de CE não devem atualizar, pois o mesmo ainda não possui servidor para recepção da NFC-e 4.0.

Aperfeiçoamentos presentes nesta versão:

  • Disponibilizada a versão do sistema para microempreendedor individual (MEI);
  • Correção no impresso da descrição do item no SAT;
  • Correção na consulta do CEP no cadastro de Pessoas;
  • Implementado relatório Lista de Movimentações, Totalização por Espécie e Abastecimentos por Frentista no formato 40 colunas;
  • Implementado unidade de medida KU para produtos pesáveis;
  • Implementado função para adicionar mais que um diretório para realizar backup;
  • Implementado permissão de usuário para alterar tipo de emissão no PDV;
  • Implementado opção de agrupar por dia no relatório totalização por espécie;
  • Implementado opção de indicar transportadora padrão para NF-e;
  • Implementado a importação parcial de DAV para documento fiscal;
  • Implementado mensagem para solicitar confirmação do cliente ao finalizar em Cheque e não preencher os dados do mesmo;
  • Implementado relatório de lista de produtos por tributação federal;
  • Implementado relatório de lista de produtos por tributação estadual;
  • Implementado função para agrupar os itens na conferência de mesa/conta cliente na ECF;
  • Implementado função para conferência de estoque com produtos do tipo Lote;
  • Adicionado funcionalidade que possibilita a visualização do mapa de mesa/conta de cliente diretamente no PDV, com funções de impressão da conferência e importação diretamente para o documento fiscal;
  • Implementado preço de venda vigente nos detalhes da lista de produtos quando o produto estiver em preço promocional;
  • Implementada função para adicionar tabela de preço sem percentual;
  • Implementada função para imprimir o produto em produção ao concluir um delivery de restaurante;
  • Implementada função para busca de pedidos na entrega do delivery de restaurante;
  • Implementada função para cadastrar pessoa pela tela de entregas do delivery de restaurante;
  • Implementado a opção “Todos” no filtro de produtos e serviços do gestão empresarial.